segunda-feira, 31 de agosto de 2009

Só o Amor é Real! Parte IV

Queridos Amigos!

Continuação do livro do Brian Weiss...

...Temos que desaprender aquilo que resulta de antigos condicionamentos... como o medo, a ira, a cobiça, o ódio, o orgulho...

...Só então nos formamos e podemos deixar a escola...
...o Deus verdadeiro fica muito além das emoções humanas...
...O verdadeiro poder vem do conhecimento...
...A verdadeira sabedoria consiste em aplicar esse conhecimento de forma benévola...

... Nossa tarefa é aprender... nos tornamos divinos através do conhecimento...

... Sabemos tão pouco... através do conhecimento, nos aproximamos de Deus e então podemos descansar... Depois voltamos para ensinar e ajudar as outras pessoas... Só as mentes abertas são capazes de receber conhecimento....

... Por acaso a rosa tem medo de seus espinhos?... apesar de eles estarem ali... ela brilha e enche os olhos onde chega....para quem chega.... (interessante isso!!)

... essa parte eu achei muito interessante=] sabia que tudo ia terminar bem, que tudo aquilo que estava acontecendo era parte de algum plano e que o plano era perfeito. Eu sentia tudo. Sabia de tudo.

... Mais uma vez, a vida do dia-a-dia interferia com experiências transcendentais....

... observar as estrelas e os seus movimentos, conforme mudam as estações... me levavam a uma inteligência superior.... minha perspectiva era expandida...Devo ser paciente e não interferir no destino...

...até que ponto posso interferir no meu destino? Se é que isso é possível?
...Comecei a refletir diariamente...

...Eu precisava ter mais fé...

...Examinei meus valores, o que era realmente importante em minha vida e o que não era...

...A satisfação de nossas necessidades mais profundas é uma tarefa do plano espiritual....

...Somos todos escolhidos de acordo com nossos talentos e capacidades...

...As relações entre as almas não são medidas em termos de tempo e sim em termos de lições aprendidas! (Lindoooooooooo!!)

...É preciso curar o coração dos homens!

Até breve!!

Nenhum comentário:

Postar um comentário